Comprove o Fator de Proteção Ultravioleta em Tecidos
de seu produto seguindo metodologias Internacionais

FATOR DE PROTEÇÃO ULTRAVIOLETA EM TECIDOS

As roupas também protegem a pele da radiação solar, porém elas não bloqueiam 100% da radiação. A avaliação de protetores solares é mundialmente conhecida e possui divulgação intensa junto aos consumidores. No entanto, a avaliação da fotoproteção oferecida pelos tecidos ainda não é bem divulgada e falta entendimento da sua importância.

Tendo em vista a importância de se oferecer produtos com melhor avaliação da fotoproteção, a Austrália e a Nova Zelândia, países com altíssimo índice de câncer de pele, desenvolveram uma metodologia para padronizar a avaliação destes materiais.

Analogamente aos filtros solares que são categorizados através do Fator de Proteção Solar (FPS), o termo utilizado para se referir à proteção solar em tecidos é o Fator de Proteção Ultravioleta (FPU), o qual mensura e classifica a proteção oferecida, que pode ser desde FPU 15 a 50+. Isso significa que para um tecido que oferece FPU 15, a radiação que chega à pele corresponde a 1/15 da radiação incidente, bloqueando 93,3% dela.

É importante determinar o fator de proteção ultravioleta (FPU) oferecido pelo tecido e essa informação deve estar acessível ao consumidor, visto que a proteção contra os raios ultravioleta nem sempre está relacionada com o que é visível aos olhos humanos, já que este tipo de radiação não é visível ao olho humano. Sendo assim, uma roupa que aparenta oferecer uma boa proteção, pode não proteger contra radiação ultravioleta e por outro lado, materiais transparentes (incolores) podem oferecer alta proteção, enquanto aparentam não estar protegendo.

O FPU é obtido através de ensaios espectrofotométricos realizados conforme a metodologia australiana AS/NZS 4399, Sun protective clothing - Evaluation and classification publicada em 1996 e revisada em 2017. Essa metodologia descreve o procedimento de determinação do FPU, além de métodos de classificação da proteção oferecida, conforme o valor do FPU obtido.

Diversos fatores afetam o FPU, tais como: tipos de tecido (algodão, poliéster, etc.), densidade da trama, cor, camadas, grau de estiramento, etc. Além disso, tecidos molhados em geral apresentam FPU reduzido. Sendo assim, esta metodologia classifica o nível de proteção oferecido pelo tecido, e não pelo design da roupa, uma vez que o mesmo pode ser afetado pelos fatores citados acima.

A proteção oferecida pelo tecido é classificada conforme a tabela abaixo:

Valor do FPU Categoria de Proteção % de radiação
UV transmitida
15 Mínima ≤6,7%
30 Boa ≤3,3%
50, 50+ Excelente ≤2,0%

Certificação:

NÚMEROS DA ALLERGISA

estudos

71000+

ESTUDOS REALIZADOS
projetos_1

290+

PROJETOS ESPECIAIS
experiencia

25+

ANOS DE EXPERIÊNCIA

17+

PRÊMIOS E CERTIFICADOS

This is just a simple notice. Everything is in order and this is a simple link.

Você quer ser voluntário? Entre em contato conosco!

+55 19 3517 6800

recrutamento@grupoinvestiga.com.br

Acesse a área de Relatórios e Documentos

CREATE ACCOUNT

FORGOT YOUR DETAILS?

TOP